Receita: Risoto de Aspargos

    risoto 05

Se tem um prato que não tem erro para receber amigos em casa é o tal do Risoto. Todo mundo gosta e todo mundo sabe fazer. Tá duvidando?

Sim, tem uns detalhes valiosos, mas é só seguir essa receita e essas dicas que vai ser sucesso ;)

Sou louca por aspargos, então hoje a receita é esse: Risoto de Aspargos Para Não Fazer Feio com Visitas!

Na verdade, essa receita é uma base e você pode trocar (ou acrescentar o que quiser):  Funghi, Palmito, Rúcula… e a lista vai longe!

Mas quer uma dica? Vai no de Aspargos, além de muito gostoso, é levinho para esses dias de verão que estão por vir!

risoto 02

Ingredientes

2 xícaras (chá) de arroz arbóreo

1/2 cebola picada

150 g de Aspargos Frescos

100 g de Tomate Cereja

1 xícara (chá) de vinho branco seco

6 xícaras (chá) de caldo de Legumes (se for usar cubinhos, dissolva apenas 2)

4 colheres (sopa) de manteiga

4 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado

MODO DE PREPARO

Antes de tudo e o mais importante: encontre aspargos frescos. Aqueles bem verdinhos e bonitos, sabe? Hoje em dia é fácil encontrar no mercado. Se não encontrar, com certeza na feira perto da sua casa vai ter ;)

risoto 06

Para picar os aspargos: tire a base do talo e descarte, as pontinhas você guarda em um recipiente para mais tarde. O resto você pica tudo, em rodelinhas.

Prepare o caldo de legumes. (O ideal é fazer um caldo de VERDADE, mas convenhamos que na hora do sufoco o de cubinhos sempre é bem vindo!). Faça o caldo e quando começar a ferver, abaixe o fogo.

Em uma panela, refogue a cebola com azeite e uma pitada de sal. Cuidado para não deixar a cebola queimar, quando ela amolecer, antes de dourar, já coloque os arpagos picados (as pontinhas ainda não!). Misture bem e espere a cebola dourar. Coloque o arroz arbóreo e mexa bem. Quando tudo estiver bem refogadinho, acrescente o vinho branco. Mexa até o arroz absorver todo o vinho.

risoto 07

Agora é a hora do caldo, que é o truque para um bom risoto. Coloque apenas um pouco de caldo e mexa bem, deixe que tudo seja absorvido para colocar mais caldo. Repita o procedimento várias vezes, com calma, até que o arroz fique al dente (não deixe o arroz cozinhar muito para não passar do ponto). Quando o arroz estiver al dente, desligue o fogo. Pronto, hora de colocar as pontinhas!(Elas vão por último porque cozinham muito rápido).

risoto 04

Espere absorver bem o caldo e coloque a manteiga, misture bem. Acrescente os tomatinhos e o queijo parmesão ralado, misture bem e sirva imediatamente*!

risoto 08

Conseguiu fazer, não é?

Pra não ter erro nenhum, ainda tem um vídeo com todo o passo-a-passo:

*É sempre bom servir o Risoto assim que ficar pronto, se esperar vai passar do ponto (além de esfriar rápido).

3 comentários em “Receita: Risoto de Aspargos

  1. Duas dicas valiosas para seu risoto ficar ainda melhor são:
    Um bom caldo, evite estes caldos industriais, além de excesso de óleo e sal, este gosto acaba roubando a cena dos tão lindos, delicados e saborosos aspargos e tomates cerejas. Em uma próxima oportunidade faça assim:
    Para 2 litros de caldo de legumes caseiro (o suficiente para cozinhar uns 500g de risoto) use 100g de cebola cortado em pedaços grandes, 50g de cenoura, 50g de folhas de alho poró (use a parte verde e deixe a parte branca para o risoto, fica sensacional), 2 dentes de alho descascados, 1 folha de louro, 3 cravos, uns 5 raminhos de tomilho fresco, 5 grãos de pimenta do reino preta. Coloque todos os ingredientes em uma caçarola que comporte 3 litros de água, deixe transpirar um pouquinho na panela (tu irá ver gotinhas de água saindo dos legumes, uns 2 a 3 minutos devem ser o suficiente), adicione 50ml de vinho branco seco, não precisa deixar secar, é só para dar uma “limpada” no fundo da panela e roubar todo aquele sabor sucesso dos legumes que ficaram grudadinhos ali no fundo, então adicione 2 litros e meio de água. Abaixe o fogo e deixe cozinhar sem tampar de 45 a 1h, sem ferver, passe por uma peneira e volte o caldo para a panela e agora sim deixe ferver para iniciar o risoto. Tu vai perceber como vai ganhar de sabor, o seu risoto ficará muito mais leve de aromas e quem ganha com isso é tua saúde.
    Outra dica que sempre dei aos meus alunos na cozinha é: nunca deixe de mexer o risoto do começo ao fim, de uma maneira bem tradicional italiana é encostou a barriga no fogão para fazer o risoto, não sai dali até que ele esteja pronto, a explicação é simples, o risoto precisa de movimento para soltar o seu tão amado amido enquanto enche a cara de caldo, é uma troca justa, né? ele te dá o amido dele que será responsável por um risoto ultra mega blaster cremoso, e tu dá caldo para ele beber, inchar e se tornar um grão al dente caprichoso e orgulhoso de si! :)
    Espero que sejam valiosas minhas dicas.
    Adorei o canal, sempre bom ter pessoas que descomplicam o ato de cozinhar com amor e um sorriso no rosto! :)

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: