Nosso blog está em manutenção...

Estamos preparando algumas novidades para vocês. Obrigado pela paciência :)

close ic

10 coisas para Comer em Israel

A gastronomia de Israel é uma das mais ricas de sabor (e origens) de todas que eu já provei.

A região já foi dominada por diferentes povos e culturas, e todos eles deixaram um pouco de suas raízes, fator que tem total influência na gastronomia encontrada hoje em dia no país. Temperos do Oriente Médio, misturados com o norte da África, passando pelo Mediterrâneo e claro, tudo isso misturado aos hábitos culinários dos judeus (e as regras kosher) resultou numa explosão de sabores!

homus de betteraba, Sabich, salada de berinjela com tomate
homus de betteraba, Sabich, salada de berinjela com tomate

Em Novembro de 2019 fiz uma viagem a Jerusalém e Tel Aviv com foco em gastronomia. Visitei muitos restaurantes, participei de eventos e workshops do festival de gastronomia Open Restaurants e provei de tudo um pouco. Eu sabia que era um destino com uma gastronomia excelente e mesmo com as expectativas altas, fui surpreendida com refeições inesquecíveis! Ainda lembro das especiarias (muito tahine, muito zaatar!) e o tanto que fiquei viciada na forma de preparar os legumes (Beringela e Couve Flor), na simplicidade e ao mesmo tempo, na personalidade forte de todos os pratos e comidinhas de rua que provei.

Para dividir um pouco dessa experiência com vocês, fiz uma lista com as comidinhas que precisam estar na sua lista quando for visitar Israel!

1 – Shakshuka

Ovos cozidos em molho de tomate bem condimentado com cominho e especiarias, é servido bem quente no café da manhã, é um dos pratos mais populares de Israel (apesar de ter origens na Tunísia). Apresenta algumas variações, podendo levar pimenta, ervas, berinjela, salsinha, coentro. Tem também versões mais moderninhas com brócolis, curry, cogumelos e até frutos do mar.

2 – Challah

Esse pão fofinho e delicioso é feito com muitos ovos e é isso que dá a cor amarela caraterística da challah. É o pão que mais representa o Shabbat para os judeus. 

3- Homus

Homus b’tahini (o nome verdadeiro do prato, já que “homus” significa apenas “grão-de-bico”), consiste em uma pasta de grão-de-bico, tahini, alho e limão. 

É um dos pratos mais antigos (e cobiçados) do Oriente Médio, mantendo viva a disputa de sua real origem. Em Israel, Homus é papo sério – vai ser impossível escolher o melhor – cada lugar tem seus segredos. O importante é APRECIAR. No pão pita, puro, no Shawarma – pode colocar homus em tudo e ser feliz!

4 -Jerusalém Bagel

Faz parte do rolê, enquanto estiver visitando a Cidade Antiga de Jerusalém, parar em um dos carrinhos para comprar um Bagel (ou Pretzel) de Jerusalém! É servido ainda quente e com uma porção de Zaatar (especiaria que lembra um pouco orégano com gergelim). 

5 – Sabich

Acho que comer o Sabich foi um dos pontos altos da minha viagem! É um sanduíche típico israelense feito com pão pita recheado de berinjela frita, ovos cozidos, salada e alguns molhos como amba e tahine. Tão simples, mas incrivelmente saboroso! Quando estiver em Israel, não deixe de provar. É comida de rua, então vai encontrar em vários lugares!

Para mais infos e principais dúvidas para quem quer visitar Israel, clica AQUI!

6 – Khachapuri

É um pastel recheado com queijo, muito queijo! Para acompanhar, salsa ou molho de pimenta. Apesar de ser muito comum em Israel, é considerado uma das iguarias nacionais da Geórgia.

Eu experimentei nas proximidades do mercado Mahane Yehuda, em Jerusalém. 

7 – Burekas

São pasteis de massa folhada geralmente recheados de queijo, espinafre, carne ou berinjela. É um prato turco, adotado pelos judeus. Geralmente é servido como lanche rápido, entrada ou acompanhamento de pratos. Eu AMEI <3 

8 -Kanafeh

Sobremesa feita com uma massa beeem fininha, recheada com queijo de cabra derretido, coberto com raspas de laranja, mergulhados em calda doce de água de rosas. É uma explosão de sabores, perfeita para quem gosta de misturar doce com salgado!

9 – Shawarma

É a comida de rua mais tradicional de Israel. A palavra “shawarma” tem origem árabe e em muitos países consideram que é apenas um outro nome para o famoso “kebab”. Mas em Israel são comidas bem diferentes. O shawarma israelense é um sanduíche que vem no pão sírio – e não enrolado numa massa fina. Bastante pimenta e molhos de ervas, além de tiras de carne, frango ou opções vegetarianas. 

10 – Babaganush

Pasta feita de berinjela defumada (assada ou grelhada) com tahine. Em Israel muitas vezes a berinjela vem em pedaços e você vai misturar com azeite, sal, pimenta. É servida de entrada (com pão ou torradinhas) ou de acompanhamento para alguns pratos.

Eu fiquei viciada em Babaganush nessa minha viagem, cada restaurante dá o seu toque e você não consegue parar de comer!

Israel
Jerusalem Bagel, Shawarma, Shakshuka

Além de todas essas comidinhas maravilhosas da lista, não esqueça de dedicar um tempo ao Café da Manhã! Em Israel, o Café da Manhã é extremamente bem servido – com muitas frutas, verduras, legumes, pães, queijos e peixes defumados! 

Se estiver planejando a viagem para o final do ano, fica de olho nas datas do Open Restaurants, que acontece todo ano, em Jerusalém. Porque é uma oportunidade legal de ter uma experiência gastronômica e cultural diferente! O festival junta gastronomia com arte, tecnologia e é um jeito muito bacana de conhecer outro lado de Israel.

Beijo, Beijo,